Sua Vodca Vale R$ 200 a Garrafa?

Sua Vodca Vale R$ 200 a garrafa? AntonioBorba.comExiste um costume muito difundido de consumir vodcas “super premium” nas baladas chiques. Uísque ficou velho, vodca é a bola da vez e vodcas “premium” já são normais – “super premium” é a categoria de quem pode. Engana-se quem acredita que isso se aplica a Curitiba, São Paulo ou Brasil. A economia é global e o fenômeno mundial, amparado pelo poder da mídia. O melhor exemplo é a Grey Goose, a vodca que inaugurou a categoria “super premium” nos Estados Unidos.

A vodca cara vale o dinheiro que você paga? Há diferença realmente perceptível no sabor?

Um interessante artigo da Reuters afirma que não. O artigo conta como Sidney Frank, um gênio do capitalismo, percebeu que os consumidores americanos queriam pagar mais caro por sua dose de vodca. Mais caro? Sim, isso mesmo. Status social e poder na balada.

Há pouco tempo atrás, nos Estados Unidos, as vodcas premium brigavam por espaço nas prateleiras, sendo comercializadas por valores entre US$ 15 a US$ 17 a garrafa. Absolut geralmente era a grande vencedora. A Grey Goose veio do nada, sem tradição alguma, e começou a ser vendida por cerca de US$ 30. O consumidor, imediatamente, associou “mais” com “melhor”. Faz sentido?

Antes de chegar a uma conclusão, vale dizer que existem estudos indicando que as partículas de sabor presentes na vodca são tão sutis e em tão pouca quantidade que é impossível ao ser humano identificar nuances de sabor entre uma marca e outra. Ainda assim, o New York Times realizou um estudo cego com 21 marcas de vodca, incluindo as super premium, e, para surpresa geral, a Smirnoff (tradicional, do rótulo vermelho) ficou acima da Grey Goose e da Ketel One.

Fatores que influenciam o ser humano e um exemplo de teste cego

Fatores que influenciam o paladar - AntonioBorba.comO Andar do Bêbado é um livro de Leonard Mlodinow que discorre sobre o aleatório e a ciência do acaso. Entre diversos tratados sobre teoria das probabilidades e outros assuntos interessantes, o autor menciona alguns testes de sabor de bebidas feitos com consumidores que tinham uma clara preferência sobre determinadas marcas, como Coca ou Pepsi.

Os testes envolviam a troca do conteúdo das embalagens – por exemplo, o consumidor que gostava de Coca recebia Pepsi, porém na garrafa de Coca, e assim por diante. Os resultados são impressionantes e bizarros – mas resultaram em um importante conhecimento sobre o funcionamento da mente humana. A principal lição é que um dos principais fatores utilizados pelo ser humano para reconhecimento de gostos e aromas é a expectativa. Ou seja, ao “imaginar” o que está por vir, o cérebro associa o sabor, que já está armazenado na memória.

Com tudo isso eu mente, eu resolvi fazer o meu próprio teste cego. Separei doses das vodcas Smirnoff (comum), Absolut (premium) e Pravda (super premium) e ofereci a alguns convidados. O teste era, de fato, muito simples: em apenas 3 variedades, identificar a vodca Pravda. A grande coincidência foi que os convidados apontaram a Smirnoff como super premium, por aparentar um buquet mais rico (sabor acentuado). Algumas pessoas perceberam a Pravda como “mais suave”, o que pode meramente significar que tem “menos gosto” pelo fato de ser mais filtrada. Afinal, todas as vodcas do teste possuem a mesma graduação alcoólica.

Conclusão

Um simples teste não é indício conclusivo para determinar a qualidade de uma bebida pois, além de toda a dificuldade de identificação de aromas, há fatores sugestionáveis e, ainda, variações probabilísticas (“acaso”) que podem determinar uma escolha. O critério é altamente subjetivo.

Se identificar uma vodca pura é praticamente impossível, ao misturá-la com energético ou cocktail, torna-se um exercício de puro achismo.

Além disso, os próprios fabricantes admitem que a categoria super premium é pura jogada de marketing. Então, a próxima vez que você “riscar o cheque” para comprar uma garrafa de Grey Goose, pense se você deseja obter “status” (por mais questionável que seja) ou meramente apreciar uma boa bebida.

16 comentários em Sua Vodca Vale R$ 200 a Garrafa?

Outros Posts:

31/05/2015

VENDIDO: Atari Jr. Importado com 3 Joysticks e 35 Jogos

UPDATE: estes itens foram vendidos. Confira outros lotes de videogames à venda ou entre em contato em caso de interesse. Lançado em 1986 no final da era do rei dos consoles, o Atari Jr. (ou "Atari Junior") foi uma versão mais compacta do console que acompanhou uma nova campanha de marketing ...

Saiba Mais

27/03/2013

Atari Flashback 1 a 4 – Review Definitivo

Atari Flashback representa uma série de consoles dedicados lançados pela Atari a partir de 2004, aproveitando a grande era retrô/vintage que renasceu com muita força no novo milênio. Após constatar que havia uma grande geração órfã e carente de reviver os sentimentos nostálgicos dos video ...

Saiba Mais

16 Respostas para Sua Vodca Vale R$ 200 a Garrafa?

  1. Pingback: Bebidas Essenciais para Montar um Bar Básico | Antonio Borba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*