Categorias: Borba's Bar

Cosmopolitan & Melon Cosmo


O Cosmopolitan é o cocktail “contemporâneo clássico” de NYC. Famoso pelo seriado “Sex and the City”, antes disso já era um cocktail conhecidíssimo dos bartenders do mundo todo.

O problema do Cosmo é que cada profissional o prepara de um jeito diferente. Com frequência, experimentamos verdadeiras aberrações que vão do “sem graça” ao “horrível” em bares do nosso Brasil.

Portanto, eu vou ensinar neste post a receita clássica do Dale DeGroff. Conhecido como “King Cocktail“, Dale esteve à frente do Rainbow Room em NYC, onde no final da década de 80 ele recriou todos os grandes cocktails clássicos de forma surpreendente.

Em seguida vale conferir a minha própria receita do Melon Cosmo, um Cosmopolitan de Melão que se baseia nas proporções da receita original, com uma troca completa de ingredientes.

Cosmopolitan

2 doses de Absolut Citron
1 dose de Cointreau
1 dose de Suco de Cranberry
1/2 dose de Suco de Limão
1/2 dose de Sugar Syrup

O Bitter de Cranberry utilizado como sugestão para um arremate final é absolutamente opcional. Ele é fabricado pelos renomados Fee Brothers em NY.

Melon Cosmo

2 doses de Absolut Exposure
1 dose de Cointreau
1 dose de Midori
1/2 dose de Suco de Abacaxi
1/2 dose de Sugar Syrup (opcional, pode ser dispensado)

A Absolut Exposure é uma edição especial encontrada geralmente em Duty Frees ao redor do mundo. Ela pode ser subsituída por uma vodca tradicional de boa qualidade ou outra vodca aromatizada com melão.

comentar/ver comentáros

Outros Posts:

12/05/2014

The Real Twin Peaks – Parte 4 – Twin Peaks Sign Spot (“A Curva”)

Twin Peaks Sign Spot é como é conhecida oficialmente "a curva", tema da capa do filme piloto e do álbum da trilha sonora da série de David Lynch. "Sign Spot", precisamente, é o local em que a placa fictícia foi instalada na época da gravação do piloto. A clássica cena em que o agente do FB ...

Saiba Mais

11/03/2011

O Poder da Gravação

O poder é um magneto que atrai o homem. Porém, o poder pode ser exercido de diferentes formas, das mais sutis e triviais até as mais destrutivas. Para este post, vou ignorar a busca pelos grandes poderes: político, militar, nos negócios e similares. Eu acho mais interessante observar as peq ...

Saiba Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*