Categorias: Atari Gaming

Globetrotter – O Cartucho de Atari Viajante


Globetrotter - O Cartucho de Atari Viajante - AntonioBorba.comEm 2003, o jovem Weston Hilton, com 27 anos, resolveu criar seu próprio jogo para o bom e velho Atari. Uma das coisas que o grande público desconhece é que o “rei dos consoles”, como é conhecido o game que dominou a cena mundial nos anos 80, até hoje recebe novos jogos. São lançamentos desenvolvidos por entusiastas, amantes do videogame com bom conhecimento de programação, que os chamam de “homebrew“.

Weston desenvolveu uma demo do seu jogo, ou seja, uma versão incompleta, como objetivo de demonstrá-lo no PhillyClassic, um evento de games clássicos que acontece na cidade de Filadélfia, Estados Unidos. Essa iniciativa resultou no homebrew sendo repassado de um amigo a outro, até que mais pessoas se interessaram e iniciou-se o projeto Globetrotter World Tour.

E foi assim que nesses últimos 8 anos, o Trotter percorreu diversos países globo afora, passando pela mão de aficcionados mas também simpatizantes da causa, sem ter, necessariamente, um vínculo com a comunidade de colecionadores de Atari.

 

Globetrotter - O Cartucho de Atari Viajante - AntonioBorba.com

Trotter no Brasil

O mais interessante desta história toda é que, a partir de uma conversa iniciada com Weston há anos atrás, acabei sendo responsável por dar as boas-vindas ao Trotter no Brasil. Weston teve conhecimento da minha pessoa em um fórum internacional de colecionadores de Atari, onde muitos sabem da minha coleção, que é considerada a maior do Brasil.

Logo após receber o cartucho, devo seguir o habitual “protocolo” – levar o Trotter aos principais pontos turísticos de Curitiba e fotografá-lo. Pretendo também escrever um post a respeito e, em seguida, repassar o cartucho a outros colecionadores do Brasil para dar sequência à saga épica.

Globetrotter - O Cartucho de Atari Viajante - AntonioBorba.com

Para saber detalhes sobre a localização do cartucho e também conferir fotos e notícias a respeito, vale visitar o site oficial Globetrotter World Tour. Meu nome já entrou para a listagem oficial – Host List (TomBrazil).

Se você tem alguma sugestão de  pontos turísticos legais para levar o Trotter a passeio, por favor sugira nos comentários do post!

UPDATEconfira a continuação em Atari: a Saga de Globetrotter em Curitiba.

12 comentários em Globetrotter – O Cartucho de Atari Viajante

Outros Posts:

07/05/2018

Art of Atari – O Poder da Imaginação nos Videogames

“Na mente do jogador, a arte do rótulo estaria eternamente ligada ao artefato digital dentro do cartucho”, são as palavras, em livre tradução, de Ernest Cline, autor e roteirista que escreveu “Ready Player One” e se tornou conhecido no Brasil devido ao filme de Spielberg, lançado ...

Saiba Mais

21/01/2011

Redes Georreferenciáveis não Decolam

  Veja vídeo com entrevista ao final da matéria. Há algum tempo se fala sobre as redes sociais georreferenciáveis,  "geotagged" ou "location based". Exemplos mais comuns: Foursquare e Google Latitude. Alguns especialistas apostam que elas estão na crista da nova onda das comunid ...

Saiba Mais

12 Respostas para Globetrotter – O Cartucho de Atari Viajante

  1. Pingback: Atari: a Saga de Globetrotter em Curitiba | Antonio Borba

  2. Pingback: Cartucho de Atari viaja no mundo « Unidos Pelos G@mes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*