Categorias: Magic Run

Correndo com o Newton MV2


Correndo com o Newton MV2 - AntonioBorba.comEu sou fã incondicional dos tênis de corrida da Newton Running, o que me levou a escrever um post sobre suas cores e funcionalidades (confira). De fato as cores berrantes estilo “ame ou odeie” me incomodam ligeiramente. Até escrevi no Facebook da Newton comentando a respeito, mas eles levam esse negócio do design duvidoso ao limite do evangelismo, e meu input não foi bem recebido!

Recentemente, a Newton lançou o MV2 – um tênis completamente plano (“zero pitch”), com apenas 165 gramas e voltado para a velocidade. O MV2 é um tênis que, segundo a Newton, deve durar entre 150 a 250 milhas (ou seja, uma média de 300Km), sendo recomendado para provas com distâncias entre 5 a 21K. Como se pode ver, não é um tênis de alta duração ou proteção contra impactos para aguentar os treinos diários. É sim um tênis de performance para provas curtas, para ser revezado com outros tênis da marca.

Até o presente momento, esse tênis não é vendido no Brasil e a Newton tem uma política absurda de frete internacional. Portanto, a melhor alternativa é comprá-lo via web para entrega em território americano, aproveitando alguma viagem ao exterior. Não espere encontrar o Newton, sobretudo o MV2, em lojas. Mesmo em cidades como New York, você ficará frustrado.

Atenção: a Newton recomenda utilizar um número 0,5 maior para o MV2, comparando com seu número Newton regular. Entenda bem o que isso significa: meu número americano para tênis de forma geral é 9,5. Meus Newtons regulares são 10. E meu MV2 é 10,5, ou seja, 1 número maior do que os tênis tradicionais. Isso porque o MV2 é mais justo, mais “fit”. Você até pode utilizá-lo no mesmo tamanho dos seus outros Newton, mas terá um tênis apertado.

Primeiras sensações

Eu recebi meu MV2 no final de fevereiro e aguardei o momento em que precisaria fazer alguns treinos leves para poder testá-lo. Nunca devemos utilizar um tênis novo diretamente em provas ou treinos fortes, e a Newton parece ser especialmente cuidadosa nas recomendações sobre o MV2 e uma eventual dificuldade na transição.

Tênis Newton Running MV2 - AntonioBorba

Primeiro treino: 7K leve/regenerativo. Ainda dolorido dos meus treinos de tiro, calcei o MV2 para um trote muito leve, com pace em torno de 6:00. A primeira sensação foi de “ler o solo“. Por ser mais fino e leve, esse tênis permite sentir muito mais a superfície e de cara revela que seu amortecimento é baixo, conforme esperado. Mas a minha curiosidade ainda era com relação à transição dos Newtons regulares para o “zero pitch” do MV2.

No plano eu achei o tênis muito fácil de ser usado. A transição não deve ser difícil para quem já está acostumado com o Newton. Eu não fiz esforço algum e já estava trotando sem maiores dificuldades com meu MV2. Em subidas, como todo Newton, ele é um facilitador, uma vez que o apoio frontal alcança facilmente o solo e impulsiona o atleta para frente. A minha grande surpresa foi nas descidas.

Quem utiliza Newton já deve ter percebido que, em descidas, é muito difícil usar o apoio frontal, acaba-se pisando com o pé chapado ou ligeiramente no calcanhar, o que deve ser evitado nos tênis dessa marca. Pois bem, com o MV2, a grande surpresa é que as descidas ficam muito mais fáceis. O design plano com amortecimentos frontais mais baixos permite encostá-los mais facilmente no solo, tornando as ladeiras mais anatômicas. Fiquei muito grato de perceber isso.

Enfim, o primeiro treino transcorreu muito bem, sem quaisquer dores de recuperação. Mas eu ainda tinha dúvida sobre o desempenho do tênis.

Segundo treino: 7K leve/médio. No meu segundo treino, iniciei um leve ritmado na faixa de 5:30, evoluindo até 4:50 e sentindo aos poucos a “pegada” do MV2. Mais uma vez, a adaptação foi perfeita e eu estava correndo naturalmente, já adaptado ao zero pitch.

Ao final do treino, puxei 1K em pace 4:00 para testar realmente as características de corrida desse modelo. E foi aí que o MV2 se revelou: uma sensação de total integração com a pisada, por instantes parecia que eu nem estava usando um calçado no pé. É como se o tênis jogasse o atleta para frente, em uma impulsão que permite manter uma cadência constante. Não pude deixar de concordar que o MV2inspira velocidade“, como a Newton afirma em seu web site.

Dia de prova: meta 45 minutos

Meta de 45 Minutos com o MV2 - AntonioBorba.comApós os dois treinos iniciais, voltei a utilizar meus Newtons regulares nos dois treinos seguintes e saquei o MV2 da mochila somente no dia da primeira prova de 10K. O desafio não poderia ser maior: a Corrida Noturna da Unimed, na minha opinião a mais difícil de Curitiba. Com subidas empilhadas uma após a outra, a corrida da Unimed é realizada na região do Campo Comprido e exige o máximo de cada atleta. Tempos 3 minutos maiores não são incomuns nesta prova.

Meus tempos de 10K em 2011 foram: 46’28” na corrida do Rebouças (a prova mais rápida de Curitiba, quase totalmente plana) e 48’48” na própria Unimed. Distante do meu objetivo, este ano eu estou mais leve e melhor treinado, portanto encarei a Unimed pensando em pelo menos abaixar de 48′, considerando uma possibilidade remota de alcançar minha meta para 2012, que seria chegar aos 45 minutos rasos.

A prova aconteceu em um dia quente e ligeiramente abafado, clima que se estendeu para a noite. Com largada às 20h, calcei meu MV2 e concentrei em manter um ritmo próximo a 4:30. Talvez tenha sido, até o momento, a prova em que realizei o maior esforço físico. Como uma surpresinha adicional, o trajeto mudou e incluiu mais subidas em 2012. Ignorando as dores e o desconforto, procurei tirar o máximo do meu ritmo, pisando nas subidas, aliviando nas descidas para recuperar o fôlego e impondo um sprint final na chegada que alcançou 20.3 km/h no meu Garmin 610.

O resultado final: 45’04” – um supertempo para mim. Comprovou meu excelente preparo, mas também colocou o Newton MV2, definitivamente, na categoria de um supertênis para corridas. Não senti dores pós-prova, o que reforçou o fato de a mecânica estar correta.

Conclusões

Com o MV2, não se pode nem pensar em usar o calcanhar na pisada devido à total falta de amortecimento na região. Portanto, esse não deve ser seu primeiro tênis da Newton, jamais.

Para quem já usa tênis da marca, o MV2 pode ser calçado sem maiores dificuldades, lembrando a recomendação de subir 0,5 número além do seu Newton habitual.

Newton MV2 & Newton Racer - Lado a Lado - AntonioBorba.com

Finalmente, cabe observar que o MV2 se mostrou muito superior aos Newton tradicionais para caminhar. Obviamente, ninguém compra um tênis de corrida para andar, mas eu já machuquei meu músculo plantar por caminhar 2Km com um Newton após uma prova. Curiosamente, o MV2 se revela muito mais confortável para essa finalidade, fato que credito aos amortecimentos frontais mais baixos.

A recomendação final é: compre esse tênis para suas provas e mantenha seus Newtons antigos para treinamentos. Os antigos Racers da linha Newton são muito parecidos com os Trainers, e podem ser utilizados para a mesma finalidade sem maiores problemas.

33 comentários em Correndo com o Newton MV2

Outros Posts:

17/01/2014

Garmin Forerunner 620 – Alta Tecnologia em GPS Fitness

Garmin Forerunner 620, ou somente FR620, é o último lançamento da Garmin em GPS Fitness ou, mais precisamente, para corridas de rua e ciclismo. Prometendo a mais alta tecnologia já vista em um GPS de pulso, o FR620 traz uma novidade chamada HRM-Run - trata-se de um acelerômetro instalado dentro ...

Saiba Mais

31/07/2012

Atari: a Saga de Globetrotter em Curitiba

Há alguns dias anunciei  a saga de Globetrotter, o Cartucho de Atari Viajante, que chegou ao Brasil em minhas mãos, aportando de Lima, Peru, direto a Curitiba. Recebi o cartucho com a missão de levá-lo a pontos turísticos da capital e fotografá-lo. A Revista RPC, da sucursal Globo no Paran ...

Saiba Mais

33 Respostas para Correndo com o Newton MV2

  1. euclides c miranda disse:

    Infelizmente a TF parou de vende-lo….e agora ???

  2. Sergio Luiz Silveira da Silva disse:

    Antonio e tenis newton tem modelo para cada tipo de pisada ou independe .
    Abraço

  3. Guedes disse:

    O Newton é fantástico mesmo, só quem usa sabe o pontencial desse incrivel tênis. O meu eu comprei na Track&Field. Lá tem todos os modelos novos.

  4. GUTO disse:

    TURMA, EU COMPREI UM NEWTON MOTION, CARA, QUE TENIS FANTASTICO! REDUZI MEU TEMPO EM 5 MIN, EM UMA CORRIDA DE 10KM COM MAIS DE 4.000 INSCRITOS. ESTAVA UM ENGARRAFAMENTO HUMANO NAS RUAS AQUI DE BELÉM DO PARÁ, NA CORRIDA DO CÍRIO! MEU PRIMEIRO PACE FICOU EM 9, DEPOIS FOI REDUZINDO, POR AI VOCÊS JÁ CONSEGUEM TER UMA NOÇÃO DA QUANTIDADE DE PESSOAS, MINHA MÉDIA CHEGOU EM 6MIN. MEU MELHOR PACE FOI DE 4:25 COM SUBIDA. FIQUEI SURPRESO POIS NUNCA TINHA CONSEGUIDO FAZER UM TEMPO TÃO BOM EM SUBIDA, ANALISANDO A CORRIDA, ACREDITO QUE O TENIS AJUDOU MUITO, INCLUSIVE CORRI ATÉ COM UMA MEIA DE COMPRESSÃO PRA NÃO SENTIR MUITO O ÁCIDO LÁTICO NA PANTURRILHA DEVIDO A PISADA FORÇADA DO NEWTON.
    MAIS FOI TUDO BEM!
    E REALMENTE, ANTES DE QUALQUER PROVA, NO MINIMO UNS 3 DIAS DE TREINO COM O TENIS QUE VC SE ADAPTA BEM RAPIDO COM ELE! LEVE, MACIO, CONFORTAVEL, RESISTENTE E TE PASSA ESTABILIDADE DEVIDO SER UM POUCO MAIS LARGO COMPARADO AOS OUTROS DE ALTA PERFORMANCE, INDICO TAMBEM 2 NUMEROS MAIOR DO TAMANHO DO SEU PÉ. EU CALÇO 44, COMPREI 46. EXCELENTE!

  5. julio cesar peluci dos santos disse:

    Boa tarde galera! Vamos concordar que tenis é adaptação de cada um, não existe melhor ou pior,então vamos voltar ao passado. Tem coisa melhor do que correr descalço? O Gongresso de Fisioterapia realizado em Porto Alegre em 2011 fez cair alguns tabus. Sou Professor de Educação Fisica corro dês de 14 anos,comecei em pista de carvão quando ainda era o Celio de Barros e sapatilha Olimpia. Alguem lembra? O tenis realmente é muito bom. Mas não será ele que vai diminuir o tempo em provas e sim como voce conduz seu treino,mas recomendo e vou concorda com as sabias palavras.

  6. reginaldo disse:

    Caro amigo,meu numero para tênis fabricados no Brasil é 42.Qual seria a numeração ideal para um tenis Newton ?

  7. Alceu Jungles Junior disse:

    Ola. Corro de Newton desde 2008, quando comecei a correr depois dos 39 anos, até então corrida nem do Pitt Bull solto na rua. Sou educador físico especializado em biomecânica como segundo curso superior formado recentemente (alheio ao post apenas tirem as conclusões porque só corro com ele e não com os “marketings japoseses”). Nunca tive contusão e meu pace em treinos é 4:00min/km. O MV2 só serve para corridas com pace muito baixo, é caro mesmo, todos os que eu comprei só encontrei nos EUA. IMPRESSIONANTE, porém é um tênis só para quem corre com o antepé, pois senão preparem-se para dores ou mesmo lesões. Em suma, eu só corro com Newton e enquanto ele proporcionar meu rendimento e nenhuma dor ou lesão, EU não troco por nenhum de graça e nem patrocinado. E principalmente não se iludam, este tênis dificilmente será vendido no Brasil. Conheci 3 grandes empresas que tentaram e não houve aceitação, o povo gosta mesmo é de pisar com o calcanhar e ficar postando dores no joelho para ter desculpas para largar a corrida e voltar para o churrasco! Ou então revejam os conceitos de amortecimento e pisada segundo centenas de estudos científicos comprovando a eficiência do dito cujo.

    • Antonio Borba disse:

      Alceu, ótimo depoimento. Ocorre que o Newton vem de uma empresa modesta, que não tem verba para investimento publicitário a fim de divulgar os benefícios da pisada no antepé. Agora, eu nunca vi nenhum estudo científico provando que este tipo de pisada produz menos lesões. A Newton afirma isso no site, mas creio que falta um estudo para se basear – se você sabe de algum, por favor me encaminhe. Eu uso porque comprovei, na prática, que realmente produz menos lesões – mas isso para mim. Eu consegui me acostumar com a pisada. Não sei dizer, de forma geral, se esse benefício pode ser sentido por todas as pessoas. Abraços!

      • Alceu Jungles Junior disse:

        Enquanto cursava biomecânica tive acesso a diversos estudos de universidades americanas a respeito da pisada de antepé. É muito comum inclusive foi que deu suporte a corrida descalço, a sapatilha five fingers, entre outros, obviamente são pesquisas em inglês com tecnologia de primeiro mundo e apoio à pesquisa. Ao contrário do Brasil. A justificativa é muito simples, com o antepé, é sobrecarregado por exemplo músculos da perna (tríceps sural) e não articulações do joelho e o calcanhar, por isso a ênfase do amortecimento dos outros tênis. Obviamente que a corrida provoca impacto, porém é melhor com fortalecimento muscular ao invés de tendões que são frágeis e muuuuuito mais difíceis de fortalecer. Em artigos científicos não se podem fazer propaganda de marcas, por isso não existe nada da Newton, porém centenas comprovando a pisada natural, é só perguntar pro Google acadêmico em inglês, hahahaha. O mais importante é isso que voce escreveu, a gente que corre com o Newton, sabe o que acontece com o nosso corpo, nenhuma opinião contrária faz com que seja uma inverdade. O atual campeão do Iron Man Hawaii só corre de Newton, para ele funciona, talvez para o segundo colocado não funcionaria e vice-versa.

  8. Joao Eduardo disse:

    Ola Antonio Barbosa! Comecei praticar corrida de rua em nov/11, curtindo bastante… Atualmente corro provas curtas entre 5k e 8k, preparando para 10k, pace medio de 4:40. Vamos ao que interessa.. hj uso asics kinsei 3, o newton mv2 seria melhor? e essa transição? seria possivel revezar entre asics e mv2?

    Parabens pelos posts!!!

    Abs

    • Antonio Borba disse:

      João, são propostas bem diferentes, pisadas opostas, eles não permitem que sejam revezados. Uma vez que você decida iniciar com o Newton, você terá que ficar no Newton, vai precisar de um modelo de treino também, pois esse é só para corrida. A transição deve ser feita aos poucos, com distâncias curtas (3 a 5K no início). Precisa de paciência. Abraços!

  9. Caio disse:

    Antonio parabens pelo Blog, me ajutou na tomada de varias decisoes uma delas na compra do Garmin 610…! Lendo esta publicaçao gostaria de sua dica de um tenis da Newton bom para treinos semanais, atualmente uso Saucony e Asics…!! ABRAÇO

    • Antonio Borba disse:

      Olá Caio, tudo bem? Que legal, bom saber que ajudei – veja só, na T&F ainda tem alguns Newston Racer e Trainers FEMININOS, o problema é a cor, pois se você fizer a equivalência do tamanho feminino para o masculino, eles servem, são iguais. Dá uma olhada no site, qualquer um serve e tem inclusive o MV2 para venda. Se puder comprar lá fora, o Neutral Trainer para pisada normal ou Stability Trainer para pronação. Abraços!!!

  10. rafael brasilia disse:

    na track n field online vc pode comprar o MV2 … acabei de conferir no site por 399reais. abs ! e bons treinos

    • Antonio Borba disse:

      Rafael, excelente dica!!! Nem entendi, pois foi dito que a TF não estaria mais comercializando o Newton, apenas vendendo estoque antigo, e esse é novo. Apenas observem: o MV2 no exterior é mais barato do que os modelos tradicionais. No Brasil, eles optaram por manter o memso preço. Ainda assim, se querem minha opinião, vale super a pena! Abraços

      • Ricardo Vargas disse:

        Entao. Eu tive a resposta diretamente da T&F que eles nao estão mais trabalhando com a NEWTON. Entretanto, lá está o MV2 anunciado. Não entendi essa. De qualquer forma no site só tem o MV2 de novidade, pois o resto é praticamente modelos femininos.

  11. Ricardo Vargas disse:

    Eu de novo..hehehe… Entao, Antonio. Lá na T&F não estão mais trabalhando com os Newton. Uma pena. Só estão vendendo os que estão em estoque. O único modelo masculino é o TÊNIS NEWTON MASCULINO ALL-TERRAIN TRAINER por apenas R$399,99. Minha pegunta é: seria uma boa opção eu comprá-lo? Lá tem um modelo igualzinho ao seu da foto NEWTON RACER, mas é feminino. Mas é tão parecido que dá vontade de comprar assim mesmo. Então… Me ajuda aí…. Forte abraço.

    • Antonio Borba disse:

      Puxa, inacreditável… que pena! Você procurou na loja virtual? Tinha mais, e você pode usar os modelos femininos também, são iguais, é só fazer a conversão de tamanho, pois os modelos femininos têm uma numeração diferente. Descubra seu tamanho em cm e toca pau, lembrando que o Newton precisa ser 0,5cm maior do que seu tênis normal.
      O ALL-TERRAIN é parecido com o Sir Isaac – ele não tem o amortecimento tão saliente, é mais plano, ou seja, um tênis de transição. Ótimo para iniciar, mas nas corridas você vai querer algo melhor, como um Racer ou mesmo um Trainer, tão logo se acostume com a pisada. Eu tenho um ALL-TERRAIN guardado para eventais provas de trilha, mas como nunca faço… rsrs

  12. Ricardo Vargas disse:

    Olá, amigo. Parabéns pelas suas conquistas. Eu tbm estou chegando lá. Estou fazendo 51’48” nos 10km. Sou de Cuiabá, mas já morei em Curitiba e sei que aí é bem puxado as provas. Bem.. Gostaria de saber se vc sabe a diferença do Newton Racer para o Newton Trainer. Qual devo comprar? Estou correndo há 3 meses com o antepé. Acho que agora tá na hora de usar o Newton. Fiz como todo mundo fala: acostumar a aterrizar com o antepé antes de usar os newtons. Vlw.

    • Antonio Borba disse:

      Olá Ricardo – obrigado! Hehe gostei da dica, treinar a pisada “antes” de comprar o tênis – uma boa, eu não fiz isso, mudei e fui aos poucos, mesmo porque é difícil treinar a pisada em um tênis com amortecimento calcâneo. Bem, a diferença do Racer para o Trainer é muito sutil, quase nada, mas você não pode ter apenas um tênis de corrida nem voltar para o antigo. Compre um de cada, e use conforme for treino fácil ou forte. Aproveita se tiver na Track & Field – http://www.tf.com.br – que eles vendem este tênis muito barato no Brasil (não ganho nada por falar isso). Abraços!

  13. Pingback: Magic Run: ótimos resultados e metas vencidas na Noturna Unimed - Magic Blog | Magic Blog

  14. gilberto honorio da silva disse:

    borba parabens pelo tempo que voce fez na corrida unimed ,vc nao aumentou nem um pouco sobre a dificuldade desse percurso ,vc me surprendeu com esse 45.04 e esse mv2 deve correr sozinho ,,,,brincadeira os tenis newton e um show ,tudo q vc falou do newton eu assino embaixo…

  15. Pingback: Garmin Forerunner 610 - Evolução do GPS para Fitness | Antonio Borba

  16. Pingback: Por Que Meus Tênis Newton São Coloridos | Antonio Borba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*